Centro de Cultura Camilo Chaves Júnior restaura a “Roda de Capoeira” em Cachoeira Dourada – MG.

O Centro de Cultura Camilo Chaves Júnior retomou suas atividades com força total, reestabelecendo o contato com a população de Cachoeira Dourada – MG, e uma das atividades mais procuradas pelo jovens e adolescentes é a Capoeira ou capoeiragem.  A Capoeira é uma expressão cultural brasileira que mistura arte marcial, esporte, cultura popular e música. Desenvolvida no Brasil principalmente por descendentes de escravos africanos, é caracterizada por golpes e movimentos ágeis e complexos, utilizando primariamente chutes e rasteiras, além de cabeçadas, joelhadas, cotoveladas, acrobacias em solo ou aéreas.

Uma característica que distingue a capoeira da maioria das outras artes marciais é a sua musicalidade. Praticantes desta arte marcial brasileira aprendem não apenas a lutar e a jogar, mas também a tocar os instrumentos típicos e a cantar. Um capoeirista que ignora a musicalidade é considerado incompleto. Outras expressões culturais, como o maculelê e o samba de roda, são muito associadas à capoeira, embora tenham origem e significados diferentes.

A Roda de Capoeira foi registrada como bem cultural pelo IPHAN no ano de 2008, com base em inventário realizado nos estados da Bahia, de Pernambuco e do Rio de Janeiro, considerados berços desta expressão cultural. Em 31 de março de 2014, Cachoeira Dourada teve seu mapeamento registrado pelo IPHAN e recebeu pontos no ICMS Cultural por essa iniciativa.

Em novembro de 2014, a Roda de Capoeira recebeu o título de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO

No século XVII, era costume dos povos pastores do Sul da atual Angola, na África, comemorar a iniciação dos jovens à vida adulta com uma cerimônia chamada n’golo (que significa “zebra” em quimbundo). Durante a cerimônia, os homens competiam numa luta animada pelo toque de atabaques em que ganhava quem conseguisse encostar o pé na cabeça do adversário. O vencedor tinha o direito de escolher, sem ter de pagar o dote, uma noiva entre as jovens que estavam sendo iniciadas à vida adulta. Com a chegada dos invasores portugueses e a escravização dos povos africanos, a capoeira foi introduzida no Brasil.

CACHOEIRA DOURADA – MG REALIZA SEU PRIMEIRO “CAMINHANDO COM SAÚDE”.

O Município de Cachoeira Dourada – MG, promoveu diversas atividades voltadas para a população neste último feriado prolongado. A Secretaria Municipal de Saúde iniciou suas atividades às 07hs da manhã desta quinta-feira (12). Os trabalhadores da Secretaria Municipal de Estradas e Rodagens fizeram uma aula de ginástica laboral com séries de alongamento outros exercícios aeróbicos elaborados por um educador físico acompanhado de um educador em saúde.

No mesmo dia essa equipe promoveu mais um encontro, mas dessa vez para atender um dos projetos voltados a grupos de risco, como é o caso do projeto “Criando Asas” dirigido aos portadores de deficiência mental. Nesta ocasião os participantes fizeram uma caminhada por toda a extensão da praia do Lago e ao final jogaram uma divertida partida de peteca em que todos saíram vitoriosos.

Outro projeto importante é o Saúde em Foco, criado para atender pessoas com risco de obesidade. Programas como este têm como objetivo atender a parcela de pessoas que se encontram com sua saúde em risco, promovendo encontros onde são esclarecidas dúvidas e oferecendo aos participantes exames médicos, acompanhamento psicológico e exames de rotina através do PSF – Programa Saúde da Família, além de oferecer academia gratuita e profissional qualificado para acompanhar o desenvolvimento do trabalho.

O Núcleo de Apoio a Saúde da Família finalizou suas atividades no sábado (15), com a realização do primeiro “Caminhando Com Saúde”, para celebrar o Dia Mundial da Saúde, ocasião que contou com a presença da população que saiu em uma caminhada pela cidade.