Prefeitura entrega casa nova a família carente.

A prefeitura Municipal de Cachoeira Dourada MG, realiza mais um sonho, desta vez foi o da Terezinha Silva, ao entregar a chave de sua casa nova.

Nela foi feita, toda estrutura em alvenaria, rebocada e pintada por dentro e por fora, cerâmica e forro de PVC em toda casa, uma área externa coberta com aproximadamente 30 m² e toda parte elétrica.

Para o Prefeito Ovídio Afro Dantas, a entrega é mais um compromisso da prefeitura de Cachoeira Dourada com os cachoeira douradenses, realizando seus sonhos e melhorando consideravelmente suas qualidades de vida, em especial a da família da dona Terezinha.

Para a moradora Terezinha Silva, ter sua casa nova depois de vários anos de promessas foi muito gratificante.

“Foi um sonho realizado, achei que não iria se realizar em vida, agradeço ao Sr. Prefeito Ovídio onde tenho um enorme carinho e uma eterna gratidão, a Secretária de Assistência Social, Alexsandra e todos os envolvidos”, ressaltou ela.

Prefeito Ovídio se reune com autoridades em Belo Horizonte.

Prefeito Ovídio se reune na tarde de ontem (01), com o Deputado Leonídio Bolsas, Secretário de Estado e Superintendente da Coab, em Belo Horizonte, buscando melhorias para Cachoeira Dourada MG.

Prefeitura entrega Kits escolares aos professores da rede Municipal.

 

Na última quarta-feira (28), a prefeitura municipal de Cachoeira Dourada, através da secretaria municipal de educação e cultura, fez a entrega dos Kits para os professores, da rede municipal de ensino, na ocasião foram entregues  bolsas e materiais de papelaria para toda a equipe.

Segundo o secretário da pasta, professor Leonardo, ‘’ O investimento na educação começa com a valorização do profissional’’.

Suplente de vereador é empossado na Câmara de Cachoeira Dourada-MG

Edimar Alves Fernandes, conhecido como Bim (PSD), assumiu o cargo de vereador na noite desta sexta-feira (21) na Câmara de Cachoeira Dourada-MG. Ele era o primeiro suplente da coligação e ocupou o lugar deixado essa semana por Kelly Abadia Dantas, que se licenciou para ser Secretária de Saúde da Prefeitura de Cachoeira Dourada-MG. Entre os presentes estavam os vereadores em exercício e o Prefeito do município. Bim obteve 60 votos nas eleições de 2016.

Em suas primeiras palavras na condição de vereador, Bim agradeceu a presença de todos e afirmou que honrará o compromisso com aqueles que dedicaram um voto de confiança, em 2016.

Cachoeira Dourada-MG realiza “Caminhada de Conscientização” para doação de sangue

A Prefeitura de Cachoeira Dourada-MG juntamente com o PSF realizou nesta quinta-feira, dia 20 de julho, entre 9h e 12h, uma caminhada em toda a cidade. Em parceria com o Hemominas e com o Grupo Escoteiro Caiapônia, a iniciativa atraiu a atenção de moradores, motoristas e pedestres que pararam para receber o panfleto informativo e ouvir orientações sobre a doação de sangue neste período.

Os meses de junho e julho já são tradicionalmente preocupantes nos hemocentros de todo o país. Isso porque há uma maior demanda de sangue por conta das festividades juninas e das férias. Geralmente, a necessidade de transfusões cresce nos hospitais devido ao aumento do número de acidentes com fogos de artifício e também ao grande movimento de carros nas estradas, em viagens a passeio de férias, que geram mais acidentes e eventuais vítimas.

Como doar

Para doar sangue, basta o interessado se dirigir neste sábado 22/07 de 8h às 15h até o PSF “Álvaro Ozório Rodrigues” localizado na Avenida das Nações, 6, Centro, ou agendar sua doação, através do telefone (34) 2122-0400 na unidade coletora de sangue em Ituiutaba que funciona de 7h às 16h, de segunda a sexta-feira.

O doador deve ter entre 18 e 65 anos de idade, pesar acima de 50 quilos e estar em boas condições de saúde. Homens podem doar a cada três meses e mulheres a cada quatro meses ao ano.

OVÍDIO DANTAS BUSCA RECURSOS JUNTO AO DEPUTADO LEONÍDIO BOUÇAS PARA CACHOEIRA DOURADA

O Prefeito de Cachoeira Dourada, Ovídio Dantas, em visita ao município de Uberlândia, na última segunda-feira (19), esteve reunido com o Deputado Estadual Leonídio Bouças, para solicitar uma emenda parlamentar para o município.

A solicitação é para que sejam iniciadas as obras de construção do Portal de entrada da cidade, no intuito de dar mais visibilidade para o turismo local. Considerada a “cidade das águas”, devido ao lago que forma a Usina Hidrelétrica de Cachoeira Dourada, a cidade hoje demanda maior parte da sua economia em função do turismo, com diversos hotéis e clubes, com piscinas naturais de águas quentes e salgadas.

“A construção do portal de entrada da cidade trará ainda mais visibilidade para o turismo de Cachoeira Dourada. Pensando nisso, buscamos através do Deputado Leonídio, que sempre foi um parceiro atuante da nossa gestão, uma emenda parlamentar para que esta obra saia do papel e possa beneficiar não só o município, mas todos os empresários que aqui instalaram suas empresas”, afirma Ovídio.

 

FOTO: Deputado Estadual Leonídio Bouças, Getúlio Fraguer – Secretário de Saúde, Ovídio Dantas – Prefeito de Cachoeira Dourada e Charley – Secretário de Governo.

Pregão Eletrônico traz economicidade para o Município de Cachoeira Dourada – MG.

A Administração Pública, direta ou indireta, não tem total autonomia para realizar todo tipo de operações contratuais, já que não dispõe de patrimônio próprio, mas sim de recursos públicos – cabendo a ela prestar contas de seus atos, de acordo com os princípios constitucionais dispostos no artigo 37 da Constituição Federal.

Para que sejam viabilizadas as contratações públicas, obedecendo aos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência, bem como outros norteadores específicos da atividade pública, os entes públicos tem ao seu dispor instrumentos específicos, como os vários modelos de licitação (Lei 8666/2003).

Um dos princípios mais importantes do Processo Licitatório é trazer economicidade para os cofres públicos e isso só se dá através de uma concorrência ampla e transparente. Foi pensando nisso que a Secretaria de Licitações, Contratos e Convênios de Cachoeira Dourada resolveu aderir à um sistema pouco utilizado por prefeituras atualmente: O Pregão Eletrônico (Lei 10.50/2002).

O Pregão eletrônico visa, basicamente, aumentar a quantidade de participantes e baratear o processo licitatório, uma vez que este depende de tempo e recursos do orçamento público. Permite, ainda, a ampliação da disputa, com a participação de maior número de empresas, de diversos estados, uma vez que é dispensável a presença dos licitantes no local.

Considera-se, ainda, o Pregão eletrônico como uma modalidade mais ágil e transparente, possibilitando uma negociação eficaz entre os licitantes, permitindo, ainda, que a simplificação das etapas burocráticas que tornavam vagarosa a contratação tornasse o processo final mais eficiente e menos custoso para a Administração Pública.

Após aderir à essa modalidade de Licitação, Cachoeira Dourada já economizou:

  • R$ 70.800,00 (economia de 35,93%) na compra de material de expediente;
  • R$ 27.900,00 (economia de 55,19%) na compra de Fraudas Geriátricas;
  • R$ 29.679,00 (economia de 47,61%) Suplemento Alimentar;
  • Veículo Oficial do Executivo que na concessionária custaria 92.440,00, através do Pregão Eletrônico o preço ficou em 88.500,00. O recurso utilizado para a compra do veículo oficial possui dotação própria (carimbado), e é destinado exclusivamente para esta finalidade.
  • R$ 74.080,00 (23,16% de economia) na compra Equipamentos e Materiais Permanentes para o Programa Saúde da Família.

Cachoeira Dourada continuará efetuando Licitações através da modalidade do Pregão Eletrônico.

CACHOEIRA DOURADA – MG PARTICIPOU DA 7ª RODADA REGIONAL DO PATRIMÔNIO CULTURAL

O evento aconteceu no último dia 25 de maio no Município de Uberaba-MG. Participaram os conselheiros do patrimônio cultural, técnico do setor e agentes culturais de Cachoeira Dourada-MG.

As Rodadas foram conduzidas por Fernando Pimenta Marques, Diretor de Promoção do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais, esclareceu dúvidas sobre a preservação, salvaguarda, gestão do patrimônio cultural mineiro e Deliberação Normativa. A rodada é extremamente esclarecedora, deixando claro e evidente para os municípios que não é necessário contratar uma consultoria especializada, é fundamental reforçar isso para que o recurso do ICMS seja aplicado na proteção e salvaguarda do patrimônio.

A novidade deste ano foi que além do ICMS cultural, outros temas foram abordados durante o encontro, como por exemplo, o projeto “Violas: O Fazer e o Tocar em Minas”, que consiste na realização de estudos para o reconhecimento das violas como patrimônio cultural de natureza imaterial do Estado e a proteção de núcleos históricos. Nesses encontros, os participantes terão oportunidades de tirar dúvidas sobre políticas de preservação dos bens considerados patrimônio cultural pelos mineiros. Fazer parte desse evento foi de grande importância para o município e para os representantes de Cachoeira Dourada, destacando ainda que as ações relacionadas à preservação do patrimônio local estão sendo intensificadas pela atual gestão municipal.

Secretaria Municipal de Educação de Cachoeira Dourada realiza Capacitação para professores e supervisores.

O Município de Cachoeira Dourada – MG, através da Secretaria Municipal de Educação promove neste dia 29 de maio uma capacitação com os professores da educação infantil do ensino fundamental e contou com a participação do ensino Médio e Centro de Cultura.

A capacitação era um desejo dos professores que solicitaram à Secretaria de Educação no início da gestão uma capacitação com o seguinte tema: Diálogo docente: Em Debate os Desafios da Educação Inclusiva, o qual está sendo ministrado pela professora Alexandra Aparecida Franco, Doutora em Educação pela Universidade Federal de Uberlândia – UFU.

A capacitação com este tema tem como objetivo central: “oportunizar aos participantes reflexões sobre a profissão docente no contexto educacional atual a partir de discussões acerca dos desafios enfrentados, especificamente àqueles relacionados à educação inclusiva”, a qual garante por Lei a inclusão de todos alunos com deficiência a serem matriculados na escola regular.

Outro tema que foi objeto de discussão foi a matéria abordado pela professora  Maria Betânia Bernardes de Andrade Barcelos da cidade de Ituiutaba-MG com formação em pedagogia com especialização em alfabetização e educação infantil; mídias na educação (educação infantil e anos iniciais); professora de Educação Infantil durante 10 anos, e analista educacional na SRE de Ituiutaba há 16 anos. A professora acredita na educação de qualidade, no aprender brincando e na afetividade estabelecida com o outro. O tema foi direcionado aos professores da educação infantil, monitores e demais profissionais que trabalham diretamente com essas crianças na Educação Infantil. Também foi feita uma abordagem quanto a fase determinante para a capacidade cognitiva e sociabilidade do indivíduo. Nesta fase as crianças precisam de oportunidades e estímulos de forma lúdica e prazerosa para que possam desenvolver cada uma de suas aptidões. Sendo assim, para desempenhar a contento a mediação de aprendizagens na construção de significados, o educador precisa conhecer como as crianças pensam e se apropriarem dos conhecimentos para saber intervir no sentido de que elas possam avançar.

Na próxima sexta feira os professores da educação infantil participarão da oficina com a professora Alexandra. “A presença e participação dos professores diretores e supervisores neste dia marca o início de uma nova etapa da educação no município, que busca incessantemente oferecer uma educação marcada pela excelência” Disse Maria Aparecida de Souza Araújo, Secretária Municipal de Educação.